Introdução ao Sistema de Gestão da Qualidade

O Instituto Português do Sangue e da Transplantação, IP (IPST), tem implementado um sistema de gestão combinado de acordo com os requisitos NP EN ISO 9001:2015 e legais no âmbito do Sangue e Transplantação, sustentado pelos princípios da gestão da qualidade, o qual está certificado pela  Associação Portuguesa de Certificação (APCER) )n.º2006/CEP.2702)

 

 

Âmbitos dos locais certificados do Instituto Português do Sangue e da Transplantação, IP

Implementado na promoção da dádiva nas Áreas Funcionais do Sangue e da Transplantação.

Área Funcional do Sangue:

a) Colheita, processamento, armazenamento, distribuição e disponibilização de componentes sanguíneos humanos;

b) Testes laboratoriais de imunohematologia de rotina e urgência, testes laboratoriais de rastreio serológico e genómico para agentes infecciosos, testes laboratoriais de imunologia plaquetária;

c) Controlo de qualidade de componentes sanguíneos.

 

Área Funcional da Transplantação:

a) Testes laboratoriais de imunogenética/genética, testes laboratoriais de imunobiologia, testes laboratoriais de citometria de fluxo, testes laboratoriais de rastreio de agentes transmissíveis, testes laboratoriais de suporte à transplantação de órgãos, tecidos e células, medicina regenerativa e a outras áreas da patologia;

b) Processamento, preservação, armazenamento e distribuição de tecidos de origem humana;

c) Processamento, preservação, armazenamento e distribuição de células de sangue do cordão de origem humana;

d) Gestão do CEDACE.