No país onde estou emigrado faço regularmente a minha dádiva de sangue. Quando venho a Portugal de férias também posso dar?

Pode candidatar-se à dádiva de sangue desde que cumpra os requisitos de elegibilidade para a dádiva. Em princípio estando emigrado num país sem restrições acrescidas para a dádiva de sangue, teremos todo o prazer em Portugal que continue, regularmente, a candidatar-se como dador de sangue.