Sistema Português de Hemovigilância

A Hemovigilância é um sistema de vigilância centralizado que abrange toda a cadeia transfusional, incluindo o follow up de dadores de sangue, recolhe informação relativa aos efeitos inesperados ou indesejados desde a colheita à transfusão de sangue e componentes sanguíneos e toma medidas para prevenir a ocorrência ou recorrência de alguns destes incidentes/eventos.

O Sistema Português de Hemovigilância foi implementado em Portugal em 2008 dando cumprimento ao disposto nos artigos 14º, 15º e 16º do Decreto-Lei 267/2007 de 24 de julho que transpôs para a ordem jurídica interna as Diretivas Europeias 2002/98/EC do Parlamento Europeu e do Conselho e a Diretiva 2005/61/EC da Comissão Europeia.

De acordo com o Decreto-Lei 39/2012 é atribuída ao Instituto Português do Sangue e da Transplantação a responsabilidade de assegurar o funcionamento dos Sistema Português de Hemovigilância em articulação com as entidades nacionais e internacionais competentes.

 

Sistema Português de Hemovigilância